Natureza

Hóspedes de pousada-ecológica "batem papo" com os mainás no café da manhã

Ivaldo, mainá  & currupião
Hóspede Carolina & cacatua

Aos 10 anos de idade, ele teve o primeiro canarinho belga criado no apartamento, em Ipanema, que anos depois já abrigava 150 aves e um cachorro. Apaixonado por bichos, decidiu procurar uma cidade para criá-los quase ao ar livre, descobrindo Búzios há 35 anos, onde construiu há dois anos a Pousada Mainá, na Praia dos Ossos, com 17 quartos batizados com nomes de aves: pardal, papagaio, pica-pau, currupião, bicudo, joão-de-barro, etc...

Ivaldo Fontes Barbosa, aos 53 anos de idade, divide a atividade de empresário, no Rio de Janeiro (dono da Andarella) com seus mais de 100 animais entre canarinhos Rollers, cacatuas brancas, papagaios de Balli e do Congo (o mais falante), araras, currupiões, mainás, furões, e, mais recentemente, três veadinhos e seis emas.

papagaio

Ivaldo, cacatua & papagaio

Os hóspedes da pousada-ecológica são acordados pelos cantos do galo garnisé Euriquinho e do currupião (corpo amarelo, cabeça e asas pretas) que assobia a introdução do Hino Nacional e tomam café da manhã "conversando" com os mainás Beto e Mansinha, esta última a tagarela que repete o que você diz e fala sem parar bom dia...mainá...bom dia...mainá.

Originários da Índia, os mainás, os mais simpáticos, vivem praticamente soltos. Aves de bico laranja e faixa amarela na cabeça, são os únicos animais falantes, além dos papagaios, é claro. Eles se alimentam de tenebra, uma larva rica em proteínas criada no local.

mainá Mansinha

filhote de cacatua

Na pousada-ecológica, sede do criatório dos animais que têm licença do Ibama, Ivaldo instalou um laboratório-enfermaria com CTI para filhotes recém-nascidos. Por ali já passaram mainás, papagaios Arco-Iris (Balli), cacatuas, filhotes raros e valiosos que valem até US$ 3 mil.

A curtição de Ivaldo, carioca nascido na Tijuca, é entrar no viveiro e "falar" com as aves através de assobios, chamando-as pelo nome. Elas, excitadas, pousam em sua cabeça, ombros e mãos. Nessa hora ele volta a ser aquela criança dos tempos dos canarinhos Rollers, de Ipanema.

Em terreno anexo a pousada-ecológica, ele cria os veadinhos Sol, Lua e Tempestade e, recentemente, seis emas trazidas de Goiás e agora instaladas com todo conforto numa área batizada de Vale das Emas.

Quando for a Búzios ligue 2623-1636, visite a Pousada Mainá, na Praia dos Ossos e "bata um papo" com Mansinha, a mainá tagarela.

ema
emas